ULSAV alerta produtor rural para campanhas de vacinação contra Febre Aftosa e Brucelose

A campanha de vacinação contra a Febre Aftosa em bovinos e bufalinos no Rio Grande do Norte foi aberta desde o dia primeiro. A campanha segue até o dia 31 desde mês.

A vacinação é obrigatória. Na região jurisdicionada pela Unidade de Sanidade Animal e Vegetal (ULSAV) de Santa Cruz, cerca de 53 mil cabeças de gado devem ser imunizadas contra a doença.

Além de vacinar, o produtor rural deve fazer a declaração do rebanho vacinado. O até segue até o dia 15 de junho e pode ser feito na sede da ULSAV ou nos escritórios municipais da Emater ou Secretaria Municipal de Agricultura.

A meta do Governo do Estado é vacinar, pelo menos, 95% do rebanho existente em cada região. A capital do Trairi tem cerca de 10 mil animais aptos para tomar a vacina.

A vacinação contra a Febre Aftosa é essencial para manter o Rio Grande do Norte em área livre da doença e para que os produtores possam continuar a comercializar seu rebanho para qualquer lugar do país sem impedimentos legais.

Paralela à campanha de vacinação contra a Febre Aftosa, o Governo do Estado está desenvolvendo a campanha de vacinação contra a Brucelose, outra doença que pode afetar o rebanho bovino, e que pode ser transmitida para o ser humano.

A campanha segue de abril a junho e atinge bezerras, no período de 3 a 8 meses de vida. O animal toma apenas esta dose por toda sua vida e a vacina deve ser feita por um veterinário.

A expectativa da ULSAV Santa Cruz é que, na região jurisdicionada pela entidade, se atinjam as metas de vacinação contra a Aftosa e a Brucelose, para que o rebanho animal esteja em dias para poder ser comercializado.

 

0 Comentários

Enviar comentário

"

FARMÁCIA DE PLANTÃO

terça-feira
Bem Estar
3291-4569

© 2007 Rádio Santa Cruz AM - Rua Odorico Ferreira de Souza, n° 70, Bairro DNER, Santa Cruz/RN - CEP 59.200-000
(84) 3291-2300 - 3291-2201 - ZYJ-614 - 1.410 kHz - 5,0 KW